Alcoolismo e suas consequências na vida social!

O Brasil ocupa a terceira posição entre os países da América quando o assunto são mortes de homens causadas pelo alcoolismo, segundo a ONU.

Diversos motivos podem levar uma pessoa a beber compulsivamente, como crise econômica, frustrações na vida afetiva, desemprego e problemas emocionais. Tais fatores podem levar uma pessoa a buscar refúgio em bebidas alcoólicas como se fossem a solução para qualquer problema.

Neste artigo, mostraremos o alcoolismo e suas consequências. Continue a leitura para saber mais.

Alcoolismo e suas consequências à saúde

O álcool é uma das drogas mais populares e também nocivas ao ser humano. O alcoolismo diz respeito ao consumo em excesso e prolongado de álcool.

O que caracteriza o alcoolismo é o ato de beber constantemente, o que transforma um bebedor ocasional em um viciado.

O consumo em excesso de álcool pode ocasionar sérios danos à saúde de um indivíduo. Entre eles, estão:

  • câncer: pode surgir em regiões do corpo humano que entram em contato direto com a bebida alcoólica, como boca, laringe e esôfago;
  • diabetes: o ato de consumir álcool continuamente pode provocar a inflamação no pâncreas, órgão responsável pela produção de insulina no organismo, levando ao diabetes;
  • sistema digestório: o estômago de um alcoólatra pode sofrer erosões por conta do excesso de álcool. Além disso, há o risco de surgimento de gastrites, inflamações e hemorragias no sistema digestório;
  • cérebro: beber álcool em demasia pode provocar efeitos nocivos na região cerebral, afetando a memória e as capacidades cognitivas do indivíduo.

Problemas comuns na vida social de um alcoólatra

O alcoolismo é um problema de saúde que afeta tanto a pessoa que bebe quanto aquelas que a cercam. Entre os problemas que podem ocorrer no dia a dia de um alcoólatra por conta de sua doença, estão:

Envolvimento com o crime

A relação entre a criminalidade e o consumo de álcool é reconhecidamente um grave problema social. A bebida provoca a desinibição ou prejuízo cognitivo, levando uma pessoa embriagada a se envolver em atividades criminosas.

Faça sua primeira sessão com um dos nossos profissionais!

Buscar Psicologo Ideal

Maus tratos e violência doméstica

A ingestão de álcool pode impulsionar episódios de violência doméstica. São comuns os relatos de mulheres agredidas por maridos alcoolizados, uma vez que o álcool é um agente potencializador de violência, com capacidade de alterar a tomada de decisões e a percepção da realidade.

Desorientação na rua

O álcool pode provocar confusão mental, o que torna a pessoa incapaz de pensar com clareza e agilidade. Nesse sentido, a desorientação acaba se tornando comum e, muitas vezes, o alcoólatra pode sentir dificuldades em voltar para casa, dada a sua embriaguez.

Acidentes de trânsito

São frequentes as notícias relacionadas a acidentes de trânsito com vítimas fatais que envolvem o uso de álcool. Mesmo cientes do perigo, muitos motoristas acabam sendo imprudentes ao dirigir após beber, colocando em risco a si e ao próximo.

Abandono de emprego ou estudo

A dependência química em álcool pode desestimular uma pessoa a realizar atividades comuns, como trabalhar e estudar. O estado de embriaguez faz com que o indivíduo tenha ausências constantes nos locais em que possui compromissos sociais diários.

Primeiros passos para se livrar do vício de álcool

O tratamento para o alcoolismo é complexo, pois envolve tanto questões orgânicas quanto psíquicas. O primeiro passo é a desintoxicação. A pessoa é internada e pode sofrer com a síndrome de abstinência, caracterizada por sintomas que surgem quando se suspende a bebida. Podem ocorrer tremores, alucinações e alterações de comportamento.

É preciso buscar ajuda em prol da saúde por meio de associações como Alcoólatras Anônimos (AA) e o Centro de Valorização da Vida (CVV), onde dependentes relatam suas experiências e estão dispostos a se ouvir e ajudar mutuamente. Além disso, a ajuda de um especialista da saúde, como um psicólogo, é primordial para que o paciente melhore e consiga controlar o alcoolismo.

Neste artigo, abordamos o alcoolismo e suas consequências. O vício em álcool pode ser o gatilho para acidentes de trânsito, crimes violentos e suicídios. Para a saúde, além das consequências debilitantes, a ingestão excessiva de álcool pode levar até mesmo à morte.

Fonte: Psicologia Viva


Deixe um comentário

avatar