Campanha de Valorização do Psicólogo

NÃO… VOCÊ NÃO É MEIO PSICOLÓGO!

Não, você não é meio psicólogo quando dá conselhos para alguém, isso é ser amigo.
Não, você não é meio psicólogo quando gosta de conversar com as pessoas, isso é ser simpático.
Não, você não é meio psicólogo quando dá aconselhamento pastoral na sua igreja, isso é ser pastor e cuidar de sua ovelha.
Não, você não é meio psicólogo quando gosta de ouvir as pessoas, isso é ser um bom ouvinte.
Não, você não é meio psicólogo quando acha que sabe ler o futuro de alguém, isso quem faz é cartomante ou vidente.
Não, você não é meio psicólogo quando tenta se pôr no lugar do outro, isso é ser empático.
Não, você não é meio psicólogo quando gosta de saber da vida dos outros, isso é ser bisbilhoteiro.
(…)

Parem de banalizar uma profissão tão séria como a psicologia. O psicólogo estuda no mínimo cinco anos, disciplinas difíceis como anatomia humana, psicodiagnóstico, psicopatologia, estatística, psicometria, teorias e sistemas diversos psicológicos, desenvolvimento humano, psicologia jurídica, estuda o CID, o DSM entre tantas outras, para obter seu diploma e a vida inteira para lidar com o sofrimento do outro. Faz especializações, cursos, seminários, conferências, etc, para se tornar um bom profissional, se atualizar sempre e lidar com a dor do outro. Isso é coisa séria. Então, por favor, pare de dizer que você é meio psicólogo, porque psicologia é profissão que exige INTEIREZA. Seja que área for: Clínica, RH, Educacional, Hospitalar, Jurídica…

Aos profissionais que se dedicaram e se dedicam à análise pessoal, aos estudos continuados e hoje são excelentes psicólogos, parabéns!